Tô grávida!

Sim, é isso mesmo. Estou grávida!

teste de gravidez grávida gi frugis

Mal posso acreditar que, finalmente, o meu maior sonho se tornou realidade. E posso dizer uma coisa para vocês? Viver uma gestação é absolutamente incrível – bem mais do que simplesmente imaginá-la. E quero contar para vocês cada detalhe.

Eu descobri tudo muito cedo – uma semana antes da menstruação atrasar! Tanto que, quando fiz o beta, apesar de ter dado resultado positivo, a quantidade de HCG ainda era superbaixa. Mas, mesmo tão cedo, eu já estava sentido todos os sinais POSSÍVEIS de uma gravidez, hahahaha.

 

 

Muita dor de cabeça, tonturas rápidas (mas constantes), muitos enjoos diários e inchaço descomunal. E apesar de tantos sintomas ruins, preciso confessar que eu adorava sentir tudo isso. Afinal, como eu não sentia o bebê se mexer (óbvio, rs), enjoar e ter enxaquecas eram o que me lembravam de que estava grávida e que, na medida do possível, estava tudo bem com o bebê.

 

Descobrindo a gravidez…

Há mais ou menos um ano, Cesar e eu começamos a tentar engravidar. Era teste seguido de teste, esperança seguida de esperança, e nada… Sempre negativo. Até que no comecinho de março desse ano, eu comecei a me sentir um pouco enjoada e passei a desconfiar. Mas, sempre espero o dia de menstruar para, se atrasar, fazer o teste (e, acreditem, sempre atrasava um dia ou dois, por isso eu sempre fazia).

 

Mas, especificamente naquela semana, eu tinha combinado com o Cesar de tomar a vacina da febre amarela. E gestantes não podem tomar essa vacina! Foi por isso que, mesmo uma semana antes da data de menstruar, os enjoos que eu estava sentido foram o suficiente para eu decidir checar. Vai que eu estivesse grávida. Tomar a vacina seria a pior decisão!

 

E, graças a Deus, fiz aquele teste.

 

Foi no banheiro do Center 3, um pequeno shopping na Avenida Paulista (SP), que fiz o teste correndo – lembro bem, era dia 6 de março, por volta das 20h30. Coloquei na bolsa sem ver o resultado e fui encontrar o Cesar. Fomos de moto para casa e somente lá que vi. Grávida. Quando li, meu coração parou por um segundo. Faltou o ar e, de repente, fiquei ofegante. Grávida! 

 

Fiz o clearblue, um dos testes mais famosos e seguros de farmácia. Então, me dei por vencida – não fiz mais nenhum além desse naquele momento (o de sangue foi feito apenas no final da semana). O desafio foi como contar ao Cesar – já era de noite, estávamos indo para casa e, assim que acordássemos no dia seguinte, iríamos tomar a vacina contra a febre amarela. Então, tive que pensar rápido…

 

Mas, isso é assunto para o próximo post!

 

Beijos

Gi

 

Tô por aqui também:
Insta: @gifrugis
Face: Facebook.com/gifrugis
Twitter: @gi_frugis